Se existe uma dúvida que paira na cabeça de todos os estudantes que estão às portas da prova do Exame Nacional do Ensino Médio é: será que eu consigo estudar para o ENEM sozinho?

E a resposta é tão “sim”, quanto “não”.

“Não”, já que você sempre precisará de material criado ou editado por outras pessoas, especialistas e professores, assim como vídeo aulas e mais um monte de ferramentas.

“Sim”, pois, com tudo isso em mãos e um pouco de organização, você conseguirá estudar sem precisar passar por qualquer tipo de cursinho preparatório. E o segredo está na rotina de estudos.

Estudar para o ENEM sozinho é possível

A favor disso, estão os números, já que ano-a-ano cresce a parcela de estudantes que estudam sozinhos e ainda assim conseguem notas bem altas no ENEM. De 2009 para 2013, por exemplo, foi um aumente de mais de 15% de candidatos que não fizeram nenhum curso.

Mas o ponto em comum entre eles é que todos reconhecem a importância de um eficiente plano de estudos.

E isso pode ser desde um planejamento com as matérias, até uma organização onde você aposte em exercícios e resoluções de provas passadas. Vai do que cada um acha melhor e mais eficiente.

O que importa é que isso seja organizado.

Como estudar para o ENEM sozinho

É lógico que, sozinho, você não terá aquela motivação de estar com um grupo, então não poderá perder essa energia. Muito menos deverá se perder para o mundo ao seu redor. É preciso que você seja a pessoa que mais irá se cobrar.

O outro desafio é não ter um professor ou alguém para te tirar dúvidas, por isso é preciso que você escolha muito bem o material com o qual irá estudar.

De resto, cada um encontra seu ritmo, ainda que o importante é que os estudos sempre sejam diários e que as revisões sempre fechem o dia. Há quem diga ainda que é melhor estudar pouco muitas vezes do que muito poucas vezes.

Por isso encontre aquilo que atende suas ambições e vá estudar, mesmo que seja sozinho mesmo.